quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Nova Letra.


Liza Quatzacout 

VULTOS MACABROS
FOGEM PARA AS TREVAS SOMBRIAS
OBSCURECENDO ALMAS
INSANAS E PERVERSAS
ARRASTANDO TODO MAL
SOBRE A TERRA
REFRÃO
VULTOS MALIGNOS
QUEREM SE ALIMENTAR
OUÇO VOZES
COM PALAVRAS FRIAS
VINDAS DAS SOMBRAS DA MALDIÇÃO
OS DEMÔNIOS ME SEGUEM POR TODO LADO
É NÃO ME DEIXA ESCAPAR
CERCADA POR VULTOS
QUE QUEREM ME ATORMENTAR
ME INDUZIR A MALDIÇÃO
ESTOU SOBRE O PODER
DOS VULTOS MACABROS